dicas tamaravilhosas,  produtividade

Bullet Journal: funciona mesmo? Minha experiência e meu Bujo 2019

 

Ei, maravilhosos! Como estão? Já compartilhei aqui 3 formas de organização de tarefas que utilizo e uma delas é o Bullet Journal (Diário em Tópicos). Mas será que esse método funciona mesmo? Hoje vou mostrar todas minhas experiências com bullet journal e como está o meu BuJo 2019. Vem comigo!

Para começar, o que é Bullet Journal?

Antes de começar, vamos entender o que é exatamente o Bullet Journal. Bullet Journal, também conhecido pela abreviatura “BuJo” consiste num diário em tópicos totalmente personalizável onde você pode concentrar suas tarefas e outras informações num único lugar. Esse método foi criado por Ryder Carroll e atualmente é muito conhecido e usado (se pesquisar nas redes sociais você encontra infinitas inspirações).
 

o Bullet Journal® é na verdade uma metodologia. É melhor descrito como uma prática de atenção plena disfarçada de sistema de produtividade. Ele foi projetado para ajudá-lo a organizar o que,  enquanto você permanece ciente do seu motivo . O objetivo do Bullet Journal é ajudar seus praticantes (bullet journalists) a viver vidas intencionais, produtivas e significativas. (descrição do site Bullet Journal – eu traduzi com o google tradutor)

 
Em resumo, é uma forma criativa de anotar tarefas num caderno e também controlar suas finanças, trabalhos, estudos, hábitos. Enfim, você pode escrever o que quiser em seu Bullet Journal. E de quebra, exercitar sua criatividade.
 

Mas afinal, isso funciona mesmo?

Muito bonito na fala (e nas fotos que vemos no instagram e no Pinterest), mas será que o método funciona mesmo? Por experiência própria e pelo que você já deve está imaginando, na real, o sucesso de qualquer forma de organização de tarefas só depende de você! Se você se dedicar a levar aquilo a sério, vai funcionar! E outra: não foque na aparência! Muito lindo aqueles cadernos todos desenhados, cheios de letterings, letras maravilhosas, milhões de canetas e marcadores coloridos, mas já pensou no tempo que leva fazer aquilo tudo? Se você gosta de desenhar e tem tempo para isso, ótimo! Se jogue! Se não, não se estresse. Você só precisa de um caderno e uma caneta! Não fique comparando o seu Bullet Journal com o do amiguinho. A principal função é organizar as tarefas e não fazer incríveis obras de artes. Ah!! E não pire com os milhões de “cadernos específicos para bullet journal” que existem por aí e custam uma fortuna! É possível ter organização, caderno bonitinho e, principalmente, praticidade sem gastar muito. Eu vou te mostrar!
 

Minha experiência com Bullet Journal

Decidi ter um bullet journal em outubro de 2017. Aliás, uma pausa para outra dica: você pode, sim, começar em qualquer época do ano. Não precisa esperar 1º de janeiro! Voltando… eu via tudo muito lindo na internet, mas não tinha certeza se daria conta de fazer (e manter) a organização de um, então decidi começar com um caderno bem simples que tinha em casa, só para ver se dava certo. Peguei um caderninho que já tinha (acho que o tamanho era A5) com folhas pautadas (outra dica: dá para fazer em qualquer tipo de folha).
 
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
 
Eu usava as canetas que já tinha também (e continuo usando elas mesmo, canetas esferográficas, canetas com glitter, essas coisas). Infelizmente, não achei foto de nenhuma semana anotada. Mas vamos ao que interessa: deu certo? Deu, até quando eu mantive a persistência. Depois fui parando. Eu esquecia de anotar as tarefas. Quando anotava, esquecia de olhar… ai deu ruim! Como eu disse, não é a forma física que determina o sucesso do método, mas a sua dedicação aquilo.
 
Daí chegou 2018 e eu decidi fazer um novo bullet journal (e seguir até o final), novamente com materiais já usados. Dessa vez, escolhi um caderno maior (tamanho A4), que funcionava como um fichário: era possível remover e adicionar novas folhas. Utilizei até algumas divisórias antigas para separar a parte do planejamento pessoal com outros do blog e do lettering.
 
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
 
E vejam, só. Dessa vez deu mais certo. Ou melhor, eu fui mais dedicada. Claro que falhei em algumas semanas, mas posso dizer que 2018 foi um ano bem produtivo e o bullet journal me ajudou nisso.
 
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
 
Mas como eu sempre estou querendo mudar tudo. Eu comecei achar esse caderno grande demais e fiquei com vontade de ter algo menor. Até mais fácil de guardar e acessar aqui no home office. Então migrei meu bullet journal para um caderno sem pauta que ganhei da John Lemon. (Sobre migração de um BuJo para outro, tem um post fofo no blog Colorindo Ideias, clique aqui para ler). Então, encerrei 2018 com outro caderno.
 
 
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
 
Agora estamos em 2019 e adivinha? Isso mesmo, comecei um novo bullet journal em outro caderno (você já viu na capa desse post). Mas só fiz essa mudança porque eu também ganhei esse novo caderno. O anterior, inicialmente, era para treinar lettering, exatamente pelas folhas sem pauta. Quando decidi fazer bullet journal nele, os letterings ficaram sem espaço fixo. Agora, ele voltará para função inicial, pois já escolhi outro para fazer BuJo.
 
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
 
Esse caderno, na verdade é uma caderneta (Tamanho: 12,5×18,5 cm) que ganhei de um sorteio da Aff The Hype. Ele possui algumas páginas já prontas e o miolo a gente escolhe a forma do papel. Dessa vez, escolhi papel pontilhado e com gramatura 90g. Eu mostrei detalhes dele no meu instagram @tamaravilhosamente (segue lá!) e tá tudo salvo nos destaque “bullet journal” no meu perfil, inclusive tem os bujos antigos. Mas vou postar aqui as páginas que eu já personalizei. 
 
Páginas iniciais: Capa do ano / Legenda / Logins e senhas / Duração dos produtos / Livros lidos
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
E já vou mostrar em primeira mão como ficou o layout da primeira semana nele.
bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente
Eu estou super empolgada novamente, pois amo a ideia de novo ano, novos planos, novas metas. Como comecei esse caderno no meio de janeiro, o planejamento financeiro e as primeiras semanas do mês já tinha sido feitas no caderno antigo, eu até cheguei compartilhar no instagram. Mas no mês de fevereiro vai ficar tudo completinho aqui. 

 

Faça o seu próprio caderno gastando bem pouco!

Se você ainda acha que não é possível ter um caderno do sonhos para seu Bullet Journal, eu vou te contar a experiência de uma amiga que fez o seu próprio caderno. Ela queria um caderno pontilhado, mas a maioria era caro (ou propaganda enganosa, o preço era bom mas o tamanho era minúsculo). Então, decidiu construir seu caderno. Ela comprou folha A4 de gramatura maior (120g, salvo engano) e imprimiu nelas uma imagem de folha pontilhada (se você pesquisar no google “folha pontilhada download” acha fácil). Também comprou um papel tipo craft para fazer a capa do jeito que ela queria. Depois levou na gráfica para cortar as folhas ao meio (assim elas ficaram no tamanho A5) e encadernou, juntamente com o papel da capa. Ao total, a Lais gastou somente R$10,60 (sem contar a impressão). E olha que lindo ficou!

bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente



Agora você não tem mesmo mais desculpa para ter o caderno que você quer e fazer o bullet journal dos seus sonhos né? Agradecimento especial a minha amiga Lais pela inspiração e por ter deixado eu compartilhar sua ideia.

Conteúdo na internet sobre Bullet Journal

Vou aproveitar o post e compartilhar algumas das minhas inspirações de Bullet Journal. Eu vou deixar os links para vocês seguirem também e aprenderem mais:

 
Te convido a seguir meu insta e meu Pinterest para ter mais inspirações sobre Bullet Journal. Criei uma pasta no Pinterest só com fotos dos meus BuJos e vou atualizando sempre que criar uma página nova no meu. Assim você pode acompanhar se estou me dedicando certinho a planejar tudo! Combinado?

 

bullet-journal-funciona-mesmo-tamaravilhosamente



Se você gostou deste post e das dicas, que tal pinar (salve no Pinterest) a imagem acima e ajudar a divulgar meu trabalho? Você também pode compartilhar em suas redes sociais com os botões abaixo.


Me conta nos comentários se você também usa Bullet Journal para se organizar e se esse método funciona mesmo para você. Se tem outras dicas de organização de tarefas, comenta também. Vamos trocar ideias!

 

Beijos! Fiquem com Deus e até mais!

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.